Como conheceu o Trail? Como foi a sua primeira experiência? Conte-nos tudo!

Data: 15-05-2012

De: joaquim Sampaio

Assunto: Como comecei o Trail.

Sou (era) um Atleta de estrada. Comecei a correr em estrada, Já como Veterano 1 (41 anos). Todos os dias fazia os meus treinos ao fim da tarde nas matas do Estádio Nacional, e aos fins de semana na Serra de Sintra.
Estava numa Segunda Feira num desses finais de tarde nos balneários do EN, quando ouvi colegas a comentarem o Contra-relógio da Serra de Sintra realizado no dia anterior. Fiquei admirado, uma vez que contra-relógios só os conhecia no ciclismo onde fiz muitos (fui ciclista amador nos anos 1965,66, e 67. O ciclista amador, é hoje o profissional.) Fiquei curioso,interrogando esses colegas sobre o então recém contra-relógio, tinha sido realizado o 1º. Claro que de tão curioso fiquei, que fui fazer a próxima corrida de montanha, participando nos míticos 12 Km Manteigas/Penhas Douradas. (penso que no ano de 1989). Daí para a frente, para além das corridas de estrada, elegi como as favoritas as corridas de montanha. Fiz 8 Desafios organizados pelo António Matias, tendo vencido dois deles. Estes desafios, para quem não sabe, começaram por ser compostos por 12 ou 13 provas de Montanha, aumentando até atingir 18, se não estou enganado. Para além destas provas de Montanha Portuguesas, "internacionalizei-me", participando aqui na nossa vizinha Espanha num sem numero de Meias-Maratonas,Maratonas, Ultra-maratonas, tudo de Montanha! Neste Momento só faço Montanha, a estrada para mim acabou. O trail, tal como o nome indica, é recente. (embora muitas das corridas de montanha que fiz em Espanha, tinham o perfil e enquadrar-se-iam na categoria de trail's, só que essa palavra quase que ainda não existia). O primeiro com esse nome, foi o da Serra de Arga, que me entristeceu muito devido a não nos deixarem fazer o Ultra, para o qual andei 6 meses a fazer treino específico para tal. E daí para cá não mais parei. A par com as lesões musculares que entretanto surgiram, (já não sou propriamente um menino, já cá cantam 65 anos), para além dos muitos treinos na Serra de Arga e montes aqui ao redor de Vila Praia de Âncora, participei nos 55 de Barcelos, 20 de Moaña, 24 nocturnos na Ilha de Arousa, nos 26 da Serra do Galiñeiro, e teria agora 80 na Serra de Courel, mas como a lesão nos Gémeos ainda não estará bem curada, acabei por desistir. Seria agora dia 26. Ainda vou ponderar fazer os 52 da Geira.Eis aqui um pouco de história de como comecei o Trail.

Um abraço

Joaquim Sampaio


Voltar